Coreia do Sul tem primeiro celular no mundo com acesso a rede 5G

0
8

O Samsung Galaxy S10, com capacidade para a nova rede, foi lançado nesta sexta. Tecnologia permitirá transmitir dados até 50 vezes mais rápido.

Samsung Electronics lançou nesta sexta-feira, 5, na Coreia do Sul, a versão de seu smartphone Galaxy S10 compatível com 5G, inaugurando assim a primeira rede móvel nacional que usa este conjunto de tecnologias que promete ser um grande salto para usuários e empresas.

As três principais operadoras de telecomunicações do país, KT, SK Telecom e LG Uplus, começaram a assinar contratos nesta sexta com a aquisição deste telefone, possibilitando que os sul-coreanos sejam os primeiros do mundo a desfrutar uma rede nacional de 5G, disponível em 85 cidades do país.

A versão de 256 gigabytes do telefone está à venda por 1,39 milhão de wons (4 713 reais na cotação atual – não há versão brasileira), enquanto a de 512 gigabytes custa 1,55 milhão de wons (5 256 reais na cotação atual; no Brasil é vendido a 6.029 reais). Os usuários deste novo smartphone deverão pagar mais pelos planos de dados disponíveis em comparação aos existentes para o 4G LTE.

A expectativa é que a maioria dos usuários de 5G opte por pacotes de dados ilimitados, já que o uso de alguns aplicativos 5G de realidade virtual, realidade aumentada ou streaming são recursos para consumir todos os dados dos planos mais básicos em menos de uma hora.

O pequeno tamanho do território nacional da Coreia do Sul – 100 000 quilômetros quadrados – e o fato de quase metade dos 51 milhões de sul-coreanos residirem na região da capital facilitaram a instalação da rede 5G. Espera-se que a implementação gradual a nível global dessas tecnologias, que, acredita-se, permitirá transmitir dados até 50 vezes mais rápido do que as atuais redes 4G e LTE, vai multiplicar no futuro os serviços para os usuários e as oportunidades de negócios para empresas.