TRF-3 julga Atila Jacomussi nesta quinta-feira

0
36

Acontece nesta quinta-feira (21), o julgamento do prefeito de Mauá, Atila Jacomussi (PSB), no Tribunal Regional Federal da 3ª região (TRF-3), devido aos apontamentos na operação Trato Feito, da Polícia Federal, que investigou suposto desvio de verba em contratos de merenda. O socialista chegou a ficar 37 dias preso entre maio e junho do ano passado devido ao caso.

Prefeito alega que não havia contrato de merenda

Atila Jacomussi sempre negou qualquer tipo de irregularidade em relação as merendas, principalmente com a justificativa de que o município não tem contrato com empresas de alimentação e que tudo que é fornecido pelos alunos é de produção própria. Inclusive, essa será a base de sua defesa durante o julgamento.

Fachin reverte decisão e Camilo Cristofaro volta a vereança

O ministro do STF (Supremo Tribunal Federal), Edson Fachin, concedeu nesta quarta-feira (20), uma liminar que altera a decisão judicial de cassar o mandato do vereador de São Paulo Camilo Cristofaro (PSB). A decisão ocorreu horas após a Câmara de São Paulo oficializar a extinção do mandato. Cristofaro foi julgado por receber suposta doação irregular de R$ 6 mil, de Ana Maria Comparini, em 2016. Ana Maria também é alvo de um processo parecido contra o prefeito de São Caetano, José Auricchio Júnior, e do vice, Beto Vidoski (ambos do PSDB). Neste caso a doação foi de R$ 293 mil.

Câmara de São Bernardo aprova isenção de IPTU

Por unanimidade, a Câmara de São Bernardo aprovou nesta quarta-feira (20), o projeto de lei que concede isenção no IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) para as vítimas das enchentes do último dia 10. Essa isenção foi uma das 14 promessas feitas pelo prefeito Orlando Morando (PSDB) para logo após o temporal.