Fundação Nobel cancela tradicional banquete em dezembro e anuncia mudanças na premiação


O banquete do Nobel foi cancelado anteriormente durante as duas guerras mundiais. Também não foi celebrado em 1907, 1924 e 1956. O anúncio dos prêmios (Medicina, Física, Química, Literatura, Paz, Economia) se mantém nas datas previstas entre 5 e 12 de outubro. O cientista japonês Akira Yoshino segura uma maquete de uma bateria de íon de lítio durante uma coletiva de imprensa em Tóquio logo após o anúncio de que ele havia ganhado o prêmio Nobel de Química em 2019
Issei Kato/Reuters
O tradicional banquete dos prêmios Nobel, celebrado todo ano em dezembro em Estocolmo, na Suécia, foi cancelado, anunciou nesta terça-feira (21) a Fundação Nobel, que enfatizou que a premiação acontecerá, mas “sob novos formatos”.
“A Fundação Nobel espera poder manter as cerimônias de premiação em 10 de dezembro em Oslo e Estocolmo sob novos formatos que levarão em consideração as restrições relacionadas ao distanciamento social e ao fato de que somente alguns, ou talvez nenhum, dos premiados poderá participar”, explicou a Fundação em comunicado enviado à AFP.
O anúncio dos prêmios (Medicina, Física, Química, Literatura, Paz, Economia) se mantém nas datas previstas entre 5 e 12 de outubro, afirma a Fundação.
Depois de faltar na cerimônia oficial, Bob Dylan deve finalmente receber Prêmio Nobel
O banquete do Nobel foi cancelado anteriormente durante as duas guerras mundiais. Também não foi celebrado em 1907, 1924 e 1956, disse um porta-voz.
O último cancelamento do banquete em 1956 teve como motivo não convidar o embaixador soviético devido à repressão do levante de Budapeste, explicou à AFP.